Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Analise de Uma Ação Ambiental Visando a Arborização Urbana Realizada no Interior de Uma Escola Estadual do Município de Itapira-SP

DOI: http://dx.doi.org/10.18248/1982-6389/eduambiental.v3n1p14-25

http://www.latec.ufrj.br/revistas/index.php?journal=eduambiental 

downloadpdf

Anderson Martelli1, Mariana de M. Cardoso2 & Joaquim Barbosa Junior3

 

Resumo: A afetividade, a compreensão e a responsabilidade são valores indispensáveis em um processo que depende da cooperação e são virtudes necessárias para combater nossos paradigmas e preconceitos quando retratamos a arborização urbana. Esse trabalho tem por objetivo realizar uma descrição da ação ambiental do plantio de 46 mudas de arvores com os alunos do primeiro ano do ensino médio numa área localizada dentro de uma Escola Técnica Estadual João Maria Stevanatto. Os resultados demonstraram que atividades como o plantio arbóreo nas áreas verdes junto aos alunos da instituição de ensino caracteriza ações plausíveis como a sensibilização dos alunos nas questões relativas à arborização urbana servindo como um elo de participação na construção das cidades, na preservação e cuidado das arvores e maior aproximação das instituições publicas e privadas junto à Prefeitura Municipal otimizando outras ações.

Palavras-chave: arborização urbana; educação ambiental; áreas verdes; escolas.

 

Abstract: Affection, understanding and responsibility are essential values in a process that depends on cooperation. They are virtues required to combat old paradigms and prejudices when we portray the urban tree planting. This paper aims to perform a description of the environmental action of planting 46 trees with the students of the first grade of the State Technical school João Maria Stevanatto. The results showed that activities as planting trees enabled the awareness of the students in issues related to urban tree planting as a link to participate in the construction of cities. The preservation and care of trees served also as a better approach of public and private institutions at the local government optimizing other actions.

Key words: urban tree planting; environmental education; green areas; schools.

 

1 Prefeitura Municipal de Itapira, São Paulo Faculdade Mogiana do Estado de São Paulo martellibio@hotmail.com.
2 Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente de Itapira, São Paulo ma_cardoso@yahoo.com.br.
3 Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, Itapira, São Paulo, joaquim.barbosa@itapira.sp.gov.

 

Literatura Citada

ALVES, S. M.; GOUVEIA, V. V. Atitudes em Relação à Arborização Urbana: Uma Contribuição da Psicologia Ambiental para a Qualidade de Vida Urbana. Laboratório de Psicologia Ambiental, v. 4, n. 6, Brasília, 1995.

ANDRADE, K. C. M.; SANTO, M. E. P. A Arborização Como Prática da Educação Ambiental na Escola Lions de Parnamirim. In: JORNADA DE ENSINO, 10, 2010, Recife. PESQUISA E EXTENSÃO. Pernambuco: Jepex, 2010. Disponível em: http://www.sigeventos.com.br/jepex/inscricao/resumos/0001/R0153-1.PDF> Acesso em: 27 nov. 2011.

ÁVILA, A. L.; ARAÚJO M. M.; NOGUERA, J. O. C.; GRINGS, V. T. Educação Ambiental no Ensino Fundamental através da Identificação e Plantio de Espécies Arbóreas. Rev. eletrônica Mestr. Educ. Ambient. , v. 22, janeiro a julho de 2009. Disponível em: http://www.remea.furg.br/edicoes/vol22/art26v22.pdf. Acesso em: 23/12/2011.

BONAMETTI, J. H. Arborização Urbana. Curitiba: Terra e Cultura, n. 36, 2001. Disponível em: http://web.unifil.br/docs/revista_eletronica/terra_cultura/36/Terra%20e%20Cultura_36-6.pdf> Acesso em: 27 nov. 2011.

CARVALHO, I. C. M. Educação ambiental: a formação do sujeito ecológico. 2 ed. São Paulo: Cortez, 255p., 2006.

COLETTO, E. P.; MÜLLER, N. G.; WOLSKI, S. S. Diagnóstico da Arborização das Vias Públicas do Município de Sete de Setembro – RS. Revista da Sociedade Brasileira de Arborização Urbana, v.3, n.2, p.110-122, 2008.

GRAZIANO, T. T. Viveiros Municipais. Departamento de Horticultura – FCAVJ – UNESP, 1994.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA – IBGE Cidades: Censo 2010 Disponível em: <http://www.ibge.gov.br/cidadesat/topwindow.htm?1 > Acesso em 22 de dezembro, 2011.

INSTITUTO DE PESQUISAS TECNOLÓGICAS DO ESTADO DE SÃO PAULO S.A. – IPT. Disponível em: <http://www.ipt.br> Acesso no mês de janeiro de 2007.

MARTELLI, A.; BARBOSA JUNIOR, J. Análise da Incidência de Supressão Arbórea e Suas Principais Causas No Perímetro Urbano do Município de Itapira-SP. Revista da Sociedade Brasileira de Arborização Urbana, Piracicaba, v. 5, n. 4, p.96-109, 2010.

REIGADA, C.; REIS, M. F. C. Educação Ambiental para Crianças no Ambiente Urbano: Uma Proposta de Pesquisa-Ação. Ciência & Educação, v. 10, n. 2, p. 149-159, 2004.

RIBEIRO, F. A. B. S. Arborização Urbana em Uberlândia: Percepção da População Revista da Católica, Uberlândia, v. 1, n. 1, p. 224-237, 2009.

RODOLFO JUNIOR, F.; MELO, R. R.; CUNHA, T. A.; STANGERLIN, D. M. Análise da arborização urbana em bairros da cidade de Pombal no Estado da Paraíba Revista da Sociedade Brasileira de Arborização Urbana, v.3, n.4, p.3-19, 2008.

SANTOS, S. A. M. A excursão como recurso didático no ensino de biologia e educação ambiental. In: VIII ENCONTRO PERSPECTIVAS DO ENSINO DE BIOLOGIA, 6, 2002, São Paulo: FEUSP, 2002.

SENICIATO, T.; CAVASSAN, T. O. Aulas de Campo em Ambientes Naturais e Aprendizagem em Ciências – Um Estudo com Alunos do Ensino Fundamental. Ciência & Educação, v. 10, n. 1, p. 133-147, 2004.

SETZER, J. Atlas Climático do Estado de São Paulo. Secretaria da Agricultura. São Paulo, 1976.

SILVA FILHO, D.F.; PIZZETTA, P. U. C.; ALMEIDA, J. B. S.A. Banco de dados relacional para cadastro, avaliação e manejo da arborização em vias públicas. Revista Árvore, v.26, n.5, p.629-642, 2002.