Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

A Educação Estética das Fotografias: O Sujeito como Produtor do Saber no Curso de Formação de Professores, na Perspectiva de Adorno e Freire

DOI: http://dx.doi.org/10.15600/2236-9767/impulso.v22n54p43-57

https://www.metodista.br/revistas/revistas-unimep/index.php/impulso/index 

downloadpdf

Margaréte M. B. Rosito1 & Moysés R. B. Oliveira2

 

Resumo: O presente estudo configura-se como um desdobramento da dissertação de mestrado Educação estética e fotografia na formação de professores em nível do ensino médio: a relevância das contribuições de Adorno e Freire, defendida em 2011. O estudo vincula-se à percepção de que a estética é uma experiência formativa no processo de emancipação e autonomia do sujeito. O referencial teórico de Freire e Adorno fundamenta o estudo. Os objetivos deste trabalho são: compreender a experiência formativa por meio das fotografias e das narrativas sobre aspectos marcantes de sua escolha profissional e compreender a influência da massificação imposta pela indústria cultural na formação das alunas. A análise documental é o procedimento adotado para a coleta de dados. Adota-se o enfoque hermenêutico, na perspectiva de Gadamer, para analisar e interpretar os dados. O material analisado e interpretado são fotografias e relatos autobiográficos, tratados neste estudo, bem como a documentação produzida pelas alunas do Curso de Magistério na modalidade do ensino médio. Os resultados apontam para a possibilidade de espaços escolares que transformem o sujeito em produtor de saberes.

Palavras-chave: formação de professores; educação estética; experiência formativa; indústria cultural.

 

Abstract: This study is an offshoot of a Master’s dissertation entitled Aesthetic education and photography in teacher training for the high school level: the relevance of Adorno and Freire’s contributions, defended in 2011. The study is linked to the perception that aesthetics is a formative experience in the process of emancipation and autonomy of the subject and is based on the theoretical references of Freire and Adorno. The objectives of this work are: to understand the formative experience through photographs and narratives about important aspects of career choice and to understand the mass cultural industry’s influence on the students’ training. The procedure for data collection was desk analysis. For data analysis and interpretation we made use of Gadamer’s hermeneutic focus. Photographs and autobiographical accounts are analyzed and interpreted as well as documents produced by students of the teacher training course. The results point to the possibility of school spaces that transform the subject in a knowledge producer.

Key words: teacher training; narrative; aesthetic education; formative experience.

 

1 Universidade da Cidade de São Paulo (Unicid) margaretemay@uol.com.br
2 Centro Educacional La Salle moyses.romero@lasalle.org.br

 

Literatura Citada

ADORNO, T. W. Teoria estética. Madri: Taurus, 1992.

ADORNO, T. W. Educação e emancipação. 2. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2000.

ADORNO, T. W. Indústria cultural e sociedade. 5. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2002.

ADORNO, T. W. Crítica à indústria cultural: comunicação e teoria da sociedade. 3. ed. Porto Alegre: Edipucrs, 2004.

ADORNO, T. W.; HORKHEIMER, M. Dialética do conhecimento. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1985.

BANZATTO, A. C. Educação estética e formação inicial de professores da educação básica: um estudo hermenêutico do projeto político pedagógico do curso de pedagogia, na modalidade de educação a distância. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Cidade de São Paulo, 2011.

BOAL, A. Teatro do oprimido e outras poéticas políticas. 10. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2010.

DELORY-MOMBERGER, C. Biografia e educação: figuras do indivíduo-projeto. Natal/São Paulo:EDUFRN/Paulus, 2008.

DUARTE, R. Mundo “globalizado” e estetização da vida. UFMG. s/d. Disponível em: <http://www.fafich.ufmg.br/~roduarte/Mundoglobalizadoeestetizacaodavida.pdf> Acesso em: 27 abr. 2011.

FREIRE, P. Educação como prática da liberdade. 5. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1975.

FREIRE, P. Pedagogia da esperança. 16. ed. São Paulo: Paz e Terra, 1996.

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. 37. ed. São Paulo: Paz e Terra, 1997.

FREIRE, P. Ética, utopia e educação. 2. ed. Petrópolis: Vozes, 1999.

FREIRE, P. Política e educação. 5. ed. São Paulo: Cortez, 2000.

FREIRE, P. À sombra desta mangueira. 9. ed. São Paulo: Olho D´Água, 2010.

FREITAS, V. Adorno e a arte contemporânea. 2. ed. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2008.

GADAMER, H. G. Verdade e método. Petrópolis: Vozes, 2007.

JOSSO, M. C. Caminhar para si. Trad. Albino Pozzer. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2010.

NÓVOA, A. Formação de professores e profissão docente. In: NÓVOA, A. (Org.). Os professores e sua formação. Trad. Graça Cunha, Candida Hespanha, Conceição Afonso e José António Sousa Tavares. Lisboa: Dom Quixote, 1992. p. 13-33.

OLIVEIRA, M. R. B. Educação estética e fotografia na formação em nível do ensino médio: a relevância das contribuições de Adorno e Freire. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Cidade de São Paulo, 2011.

PASSEGGI, M. C. A formação do formador na abordagem autobiográfica. A experiência dos memoriais de formação. In: SOUZA, E C.; ABRAHÃO, M. H. M. B. (Orgs.). Tempos, narrativas e ficções: a invenção de si. Porto Alegre: EDIPURS, 2006. p. 203-218.

PERISSÉ, G. Estética & educação. Belo Horizonte: Autêntica, 2009. (Coleção Temas & Educação)

PUCCI, B. (Org.). Dialética negativa, estética e educação. Campinas: Almeida, 2007. (Coleção Educação em Debate).

RÜDIGER, F. Theodor Adorno e a crítica à indústria cultural: comunicação e teoria crítica da sociedade. 3. ed. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2004.

SCHILLER, F. A educação estética do homem. São Paulo: Iluminuras, 2002.

SCHMIED-KOWARZIK, W. Pedagogia dialética. São Paulo: Brasiliense, 1983.

TARDIF, M.; RAYMOND, D. Saberes, tempo e aprendizagem do trabalho no magistério. Educação & Sociedade, a. XXI, n. 73, p. 209-244, dez. 2000.

THOMSON, A. Compreender Adorno. Petrópolis: Vozes, 2010.

ZUIM, A. A. S; PUCCI, B.; RAMOS-DE-OLIVEIRA, N. (Orgs.). Adorno: o poder educativo do pensamento crítico. 3. ed. Petrópolis: Vozes, 1999.