Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Motivação para o aprendizado em estudantes de graduação em Psicologia

DOI: http://dx.doi.org/10.15348/1980-6906/psicologia.v16n2p185-198

http://editorarevistas.mackenzie.br/index.php/ptp/index 

downloadpdf

Marcos V. de Araújo, Johny W. B. da Silva1 & Erich M. Franco

 

Resumo: O estudo da motivação tem mostrado importante valia na compreensão dos processos de ensino aprendizagem. Uma das abordagens que estudam esse constructo, a teoria da autodeterminação, compreende que o homem é movido pela satisfação de necessidades psicológicas básicas de autonomia, competência e pertencimento, possuindo estilos motivacionais que vão da desmotivação até o comportamento intrinsicamente motivado. A presente pesquisa teve por objetivo investigar, por meio de entrevista semiestruturada, a motivação para aprender em 20 universitários do curso de Psicologia. Os resultados demonstraram estudantes com perfis motivacionais mais autônomos, com diferentes orientações motivacionais simultâneas. Verificaram‑se a importância da participação de fatores ambientais e o valor da tarefa na promoção da motivação para aprender. Concluiu‑se que a educação deve ser ampliada para tornar‑se mais problematizadora e convidar os estudantes a admirar o mundo em parceria com os educadores, para que ambos possam ser capazes, em um movimento de práxis, de repensar a teoria e produzir novos conhecimentos.

Palavras-chave: motivação, aprendizagem, educação, teoria da autodeterminação, universitários

 

Abstract: The study of motivation has shown important value in the comprehension of the process of teaching and learning. The self‑determination theory comprehend that human being is moved by satisfaction of basic psychological needs such autonomy, competence and belonging, having motivational styles that goes from demotivation to an intrinsically motivated behavior. The aim of the present article was to investigate the motivation to learn in 20 undergraduate students of Psychology in a private university in the city of São Paulo. The results corroborate the literature once the students presented motivational profiles more autonomously motivated, and the existence of different motivational orientations simultaneous. Was discovered a significant importance of the participation of environmental factors such as teacher and task value in promoting motivation to learn, rescuing the need for an education that makes possible the connection between theory and professional practice enabling to have a sense of what is learned.

Keywords: motivation, learning, education, self‑determination theory, college students

 

1 Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo – SP – Brasil. Rua Caparaó, 205, Vila Formosa – São Paulo – SP – Brasil. CEP: 03364‑020. E‑mail: johny.brito@gmail.com

 

Literatura Citada

Alcará, A. R. (2007). Orientações motivacionais de alunos do curso de Biblioteconomia de uma universidade pública do norte do Paraná. Dissertação de mestrado, Universidade Estadual de Londrina, Londrina, PR, Brasil.

Almeida, D. M. S. (2012). A motivação do aluno no ensino superior: um estudo exploratório. Dissertação de mestrado, Universidade Estadual de Londrina, Londrina, PR, Brasil.

Boruchovitch, E. (2008). Escala de motivação para aprender de universitário (EMA‑U): propriedades psicométricas. Avaliação Psicológica, 7(2), 127‑134.

Bzuneck, J. A., & Guimarães, S. E. R. (2010). A promoção da autonomia como estratégia motivacional na escola: uma análise teórico e empírica. In E. Boruchovitch, J. A. Bzuneck & S. E. R. Guimarães (Orgs.). Motivação para aprender: aplicações no contexto educativo. Petrópolis: Vozes.

Cardoso, L. R., & Bzuneck, J. A. (2004). Motivação no ensino superior: metas de realização e estratégias de aprendizagem. Psicologia Escolar e Educacional, 8(2), 145‑155. doi

Engelmann, E. (2010). A motivação de alunos dos cursos de artes de uma universidade pública do Norte do Paraná. Dissertação de mestrado, Universidade Estadual de Londrina, Londrina, PR, Brasil.

Guimarães, S. E. R., & Boruchovitch, E. (2004). O Estilo Motivacional do Professor e a Motivação Intrínseca dos Estudantes: Uma Perspectiva da Teoria da Autodeterminação. Psicologia Reflexão e Crítica, 17(2), 143-150. doi

Guimarães, S. E. R., Bzuneck, J. A., & Boruchovitch, E. (2010). Instrumentos brasileiros de avaliação da motivação no contexto escolar: contribuições para pesquisa, diagnóstico e intervenção. In E. Boruchovitch, J. A. Bzuneck & S. E. R. Guimarães (Orgs.). Motivação para aprender: aplicações no contexto educativo. Petrópolis: Vozes.

Machado, A. C. T. A. (2009). Interações professor‑aluno: preferência por autonomia ou controle. Dissertação de mestrado, Universidade Estadual de Londrina, Londrina, PR, Brasil.

Machado, A. C. T. A., Guimarães, S. E. R., & Bzuneck, J. A. (2006). Estilo motivacional de professor e a motivação extrínseca dos estudantes. Semina: Ciências Sociais e Humanas, 27(1), 3‑13. doi

Myers, D. (2006). Psicologia (7a ed.). (E. J. Custódio da Silva, M. A. S. Rouch & J. M. G. Nunes, Trad.). Rio de Janeiro: LTC.

Ruiz, V. M. (2003). Motivação na universidade: uma revisão da literatura. Revista Estudos de Psicologia, 20(2), 15‑24.

Ruiz, V. M. (2005). Aprendizagem em universitários: variáveis motivacionais. Tese de doutorado, Pontifícia Universidade Católica de Campinas, Campinas, SP, Brasil.

Ruiz, V. M. (2008). Valor de tarefas de aprendizagem para universitários de cursos noturnos. Revista Semestral da Abrapee, 12(2), 451‑460.

Sampieri, R. H., Collado, C. H., & Lucio, P. B. (2006). Metodologia de pesquisa (3ª ed.). (F. C. Murad, M. Kassner & S. C. D. Ladeira, Trad.). São Paulo: McGraw‑Hill.

Zanatto, R. (2007). Perfil motivacional de alunos de arquitetura: um estudo exploratório. Dissertação de mestrado, Universidade Estadual de Londrina, Londrina, PR, Brasil.

Zenorini, R. P. C., & Santos, A. A. A. (2010a). Escala de metas de realização como medida da motivação para aprendizagem. Interamerican Jounal of Psychology, 44(2), 291‑298.

Zenorini, R. P. C., & Santos, A. A. A. (2010b). Teorias de metas de realização: fundamentos e avaliação. In E. Boruchovitch, J. A. Bzuneck & S. E. R. Guimarães (Orgs.). Motivação para aprender: aplicações no contexto educativo. Petrópolis: Vozes.