Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

Avaliação Psicológica de Depressão em Pacientes Internados em Enfermaria de Hospital Geral


http://editorarevistas.mackenzie.br/index.php/ptp/index 

downloadpdf

Dinorah F. G. Martins1, Patrícia C. da S. Medeiros1 & Sandra Á. Hamzeh1

 

Resumo: Este trabalho foi desenvolvido em um hospital geral de São Paulo com o objetivo de realizar uma avaliação psicológica por meio da escala diagnóstica adaptativa operacionalizada (Edao) e do inventário Beck de depressão (BDI), verificando a possibilidade de detectar sintomas depressivos aliados às diferentes patologias de base que motivaram a internação do paciente. Vários são os pedidos de interconsulta por parte da equipe de saúde para que o serviço de psicologia e/ou psiquiatria avalie – e realize as intervenções necessárias – os pacientes internados em enfermarias que se apresentam “tristes, apáticos, chorosos”. Essas solicitações demonstram a importância do diagnóstico dos transtornos depressivos. A depressão está intimamente ligada à baixa aderência ao tratamento médico e à mortalidade. Uma intervenção específica auxilia na recuperação mais rápida do paciente, aumentando sua qualidade de vida e diminuindo os gastos com a internação. Foram sujeitos da pesquisa 29 pacientes adultos, de ambos os sexos, internados em enfermaria de um hospital de São Paulo. Neste trabalho, dois pontos de corte foram utilizados: um escore de 18 a 19 que revela uma estimativa de possível depressão, e um escore acima de 15 que indica disforia e acima de 20 que revela depressão. A pesquisa teve caráter quantitativo e qualitativo, numa visão psicanalítica. Os resultados para o BDI indicam que 13,8% da amostra apresentou possível depressão e 86,2% não apontaram alterações. Os resultados da Edao indicam que 40% da amostra apresentou adaptação eficaz, 30% adaptação ineficaz moderada e 10% adaptação ineficaz severa. Concluiu-se que o BDI demonstrou ser um instrumento de fácil aplicação, portanto eficiente para ajudar a detectar alterações de humor relacionadas à disforia e depressão, bem como a Edao traz para o psicólogo uma avaliação que, em conjunto com o BDI, permite-lhe avaliar o grau de adaptação dos pacientes hospitalizados.

Palavras-chave: depressão; Edao; BDI; hospital geral; avaliação psicológica.

 

Abstract: This study was developed at General Hospital, in São Paulo, with the purpose of making a psychological evaluation through Adaptive Operational Diagnostic Scale (Edao in Portuguese) and Beck’s Depression Inventory (BDI), verifying the possibility to identify depressive symptoms associated with different pathologies that motivate patient internment. Several inter-appointment requests occur by people from health group to psychological and/or psychiatry service to evaluate and interfere with in-patients that seem “unhappy, apathetic, and weepy”. These requests show the importance of depression disorder diagnostics. Depression is intimately linked with low adherence to medical treatment and to mortality. A specific intervention support the faster recovery of patient, improving his/her quality of life and decreasing internment expenses. In this research two cut points were made. One of them is suggested where the score from 18 to 19 would bring out an estimation of depression possibility. Second one, suggested that classify a score above 15 as disphoria and above 20 points as depression. The research was carried out with 29 adults in-patients, both genders. The research was qualitative, according to a psychoanalytical approach. The results according to the BDI were: Possible depression (13.8%) and No Alterations (86.2%). According to the Edao: 40% of the sample showed Efficient Adaptation; 30% showed Moderate Inefficient Adaptation; and 10% showed Severe Inefficient Adaptation. The conclusion is that the BDI showed to be an efficient instrument in helping to detect mood alterations related to disphoria and depression, and that Edao gives to the psychologist an evaluation which together with the BDI enables the understanding of the evolution of depression as well as the degree of patients’ adaptation in a hospital environment.

Key words: depression; Edao; BDI; general hospital; psychological assessment.

 

1 Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM)